SEU NEGÓCIO É ESCALÁVEL?

Sabe aquela velha história de “faça mais com menos”?  Isso mesmo, a empresa “ESCALÁVEL” está ligada ao aumento de produção ou atividade, sem provocar aumento nos custos. Então chegou o momento de avaliar se seu negócio possui processos que a tornam escalável ou não escalável.

 

Imagine que a FCB Consultoria viu no mundo digital uma oportunidade de oferecer softwares de gestão financeira, já que existe uma boa demanda dos seus próprios clientes e no mercado não se encontram softwares que se adequem a metodologia do seu negócio. O custo de desenvolvimento do software é alto e demanda tempo, porém é feito uma única vez, e podemos distribuir cópias sem muito esforço, possibilitando obter o retorno do investimento e lucro com prazo determinado.

 

Um negócio escalável necessita de potencial expansível que pode ser avaliado através de características:

– Ele é ensinável? É possível ensinar o processo de produção a qualquer funcionário?

– É valioso? Conhecimento e especialização em uma atividade específica gera valor.

– É replicável? O seu processo pode ser reproduzido e existe mercado para isso?

 

Vide exemplo das STARTUPS, modelo de negócio amplamente lucrativo, repetivel e escalável, mesmo trabalhando em condiçções de extrema incerteza (fique atento ao próximo post que falaremos sobre as startups).

 

Analise também qual será o custo da aquisão de clientes para sua empresa. Diminui ou aumenta ao longo da escala? O custo de produção diminui consideravelmente com o aumento da escala? Por exemplo, para produzir 5 cadeiras você tem um custo no processo de R$500, para produzir 100 você terá os mesmos R$100 de custo para cada cadeira, ou reduziria para R$70 por cadeira, uma vez que é possível comprar matéria prima em grande quantidade e não aumentar muito o número de funcionários na produção?

 

Nem todo negócio nasce escalável, e ainda assim é possível adaptá-lo tornando-o replicável. Por exemplo uma empresa de engenharia, que otimiza seu processo de maneira padronizada para que não seja necessário apenas de mão de obra altamente especializada.

 

Não quer dizer que uma empresa não escalável não possa ser lucrativa, pelo contrário, há organizações de atividades únicas lucrativas. Porém, se você busca um crescimento rápido e ter facilidade de conquistar investidores  seja um empreendedor de negócios escaláveis.

E não se esqueça, o MC Donalds, em 1937, era apenas uma barraquinha de cachorro-quente.

 

Então, pronto para alavancar os processos da sua empresa? Conte com a FCB na busca de estratégias para investir em um negócio escalável. Para mais informações deixe seu comentário abaixo ou entre em contato pelos nossos canais de comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *